sexta-feira, janeiro 28, 2011

Premio ZON 2010 - Reconhecida a Arte dos Videojogos em Portugal

Diria que os Prémios Zon relativos ao ano de 2010 ontem atribuídos no Museu do Oriente em Lisboa marcam um momento decisivo na história dos videojogos em Portugal. Foi uma noite em grande para a indústria dos videojogos nacionais. Não existindo uma categoria a concurso dedicada aos Videojogos, a indústria conseguiu arrecadar 40% dos prémios, dos 10, 4 foram para a área, e dos 4 prémios principais (3 primeiros lugares e 1 grande prémio), as empresas do ramo arrecadaram 3.
Claramente que o destaque vai para a grande obra nacional, Under Siege, criado pela Seed Studios do Porto. Levou o primeiro prémio na categoria de Conteúdos e Aplicações Interactivas e levou o Grande Prémio da noite. Se na categoria de aplicações não houve grandes dúvidas, o Grande Prémio foi um ponto marcante. Em três anos é a primeira vez que o Prémio Zon sai da categoria das Curtas. A categoria que tem sido o ex-libris do prémio, até pela dimensão do número de submissões nessa área, o dobro das outras categorias. Depois o peso do Cinema face aos Videojogos como indústria, como Arte, particularmente em Portugal, tem sido muito superior. Os videojogos foram até agora olhados como algo que vem do estrangeiro, ou quando feito em Portugal como meros trabalhos amadores. Julgo que ontem isso alterou-se de vez. O grande prémio é o reconhecimento de que a Arte dos Videojogos em Portugal pode ombrear com as outras artes e outras indústrias.

Under Siege, Grande Prémio Zon 2010

Outro primeiro prémio, agora na categoria de Animação Digital, foi conseguido pela dupla Gameinvest / Blueshark Studios. A Gameinvest como produtora, a Blueshark como a criadora da animação digital Daydream Chronicles. Não sendo uma obra final interactiva, é um trabalho desenvolvido por especialistas da área e demonstra a versatilidade dos artistas.

Daydream Chronicles, 1º Lugar em Animação Digital

Ainda a destacar o excelente trabalho da Biodroid que ficou em terceiro lugar na categoria "Conteúdos e Aplicações Multimédia" com o seu videojogo Billabong Surf Trip para a plataforma iPad. Surf Trip que está já muito perto de atingir os 150 mil downloads na App Store da Apple.

Billabong Surf Trip, 3º Lugar em Conteúdos e Aplicações Multimédia

Aqui fica a lista completa dos vencedores. Mais informações e excertos das obras podem ser vistas na página do Prémio Zon.

Grande Prémio
Seed Studios - Under Siege



Conteúdos e Aplicações Multimédia
1º - Seed Studio - Under Siege
2º - Beam Team, Rui Martins - Beam Browser
3º - Biodroid - Billabong Surf Trip

Menção Honrosa - Carlos Alves Jorge – Bedtime Stories

Curtas-Metragens
1º - Pedro Resende - Maybe
2º - Bernardo Gramaxo - Quando os monstros se vão embora
3º - Henrique Pina e Francisco Baptista - Tejo

Animação Digital
1º - Gameinvest / Blueshark Studios - Daydream Chronicles
2º - André Letria e Humberto Santana – Foxy & Meg
3º - Carlos Matias e Pedro Pinto - Dream Factory

Menção Honrosa - Cristiano Mourato - Smolik
Menção Honrosa - João Seabra – Tens que largar a mão

Fica aqui também a constituição do júri que avaliou as obras. Mais sobre cada um dos elementos do júri pode ser visto também na página do Prémio Zon.

Júri do Prémio Zon 2010
Rodrigo Costa
Manuel Sequeira
João Sentieiro
Leonor Silveira
José Alberto Carvalho
Isabel Mimoso
Fernando Galrito
Nuno Cintra Torres
Antunes João
Nelson Zagalo
Pimenta Alves
Lourenço Medeiros
Nuno Sena
Mário Augusto
Enviar um comentário