quinta-feira, março 22, 2007

Emoção Responsável pela Moral

Novo estudo publicado na Nature sobre a possibilidade de relação entre a capacidade de ajuizamento moral e a emoção humana.

Na verdade, este estudo não vem revelar nada que Damásio já não tenha subtilmente dito anteriomente. Se não vejamos

“As emoções são inseparáveis da ideia de recompensa ou castigo, de prazer ou de dor, de aproximação ou afastamento, da vantagem ou desvantagem pessoal. Inevitavelmente, as emoções são inseparáveis da ideia do bem e do mal” (Damásio, 1999:77)

Agora que os testes são fantásticos, são. Cada um dava um filme melhor que o outro e nisto faz-me pensar directamente no cineasta dos dilemas, Krzysztof Kieslowski . Para além dos decálogos ou das cores, veja-se um dos seus últimos argumentos filmado postumamente Heaven.

Vejamos dois exemplos,

Teste #
"Você sabe que uma dada pessoa tem sida e que tenciona deliberadamente infectar outras. Algumas dessas pessoas irão com certeza morrer. As duas únicas opções que você tem são deixar que isso aconteça ou matar a pessoa. Você carrega no gatilho?"

Teste ##
“Soldados inimigos invadiram a sua aldeia. Você e outros refugiam-se num sótão [...] O seu bebé começa a chorar. [...] Você tapa-lhe a boca. [...] Para salvar a sua própria vida e a dos outros você precisa de matar o seu filho por asfixia. Você asfixiaria o seu bebé para salvar a sua própria vida e a dos outros?"

Ainda sobre este assunto, no outro dia conversava com uma colega de psicologia sobre a incompreensão e por vezes até mesmo uma atitude mais agressiva de grande ignorância quando apresentamos determinados estudos realizados no âmbito da Emoção. E realmente quanto mais penso nisto, mais tenho a sensação que as pessoas sentem receio, sentem um receio colectivo face à possibilidade de podermos desvendar a última fronteira que nos separa dos animais (sic) e das máquinas. Veja-se sobre isso os comentários deixados no Público sobre este novo estudo de Damásio e colegas.

Enviar um comentário