quarta-feira, maio 06, 2009

da genialidade à banalidade

Mais um mito derrubado. Passados quase 120 anos, e após 10 anos de pesquisa, os historiadores Hans Kaufmann e Rita Wildegans vêm demonstrar, no livro In Van Gogh's Ear: Paul Gauguin and the Pact of Silence, que o mito que relatava o facto da genialidade/loucura de Van Gogh o ter levado a cortar a própria orelha para a poder desenhar com maior exactidão, nunca passou disso mesmo, de um mito.
Segundo consta nestas recentes descobertas o responsável terá sido Gauguin que num acesso de raiva ou defesa terá cortado a orelha a Van Gogh. Para que Gauguin não fosse preso Van Gogh terá omitido esse facto.
Enviar um comentário