segunda-feira, outubro 08, 2012

o belo na anime japonesa

Uma experiência inesquecível é o que fica de Children Who Chase Lost Voices from Deep Below (2011). Anime japonesa no seu melhor, a demonstrar que em termos de excelência existe mundo além de Miyazaki. Este não é o primeiro trabalho de Makoto Shinkai, mas é o primeiro que vejo e deixou-me profundamente comovido.


A julgar por este Children... Shinkai vai além de Miyazaki em termos de arte. O filme é um autêntico festim visual, um deleite para os nossos olhos de cor, detalhe e mundo. O mundo desenhado sente-se e parece que chama por nós, por momentos parece que uma força nos impele a entrar para dentro das imagens. Já no campo do storytelling notam-se alguns problemas, e aqui fica abaixo de Miyazaki, embora o registo não seja muito diferente. A banda sonora é também muito boa, composta por Tenmon que parece ser o compositor fetiche de Shinkai.


A história funciona numa base tipicamente japonesa, com mundos imaginários e criaturas míticas, tudo trabalhado em função da tristeza da perda, da solidão, e dos possíveis caminhos para voltar aos seres amados.












Enviar um comentário